BlondMe Crystal Gel

Há uns meses apareceu em algum grupo do Facebook do qual eu participo,e no momento não me lembro exatamente qual, uma foto promocional da Schwarzkopf, lançando o Blond Me Crystal Gel, com uma tecnologia que permite que o clareamento do cabelo seja acompanhado, uma vez que a mistura do descolorante com o creme oxidante fica transparente quando aplicado nos fios.

BlondMe Crystal Gel

A discussão girou em torno de como seria complicado saber onde exatamente o descolorante foi aplicado, uma vez que é transparente e poderia deixar o cabelo manchado, caso a pessoa não lembrasse onde já passou o mesmo e tals. Eu achei a ideia sensacional e não concordo com a ideia de que o cabelo mancharia, pois uma vez que o produto foi aplicado, no mínimo, a mecha de cabelo ou raiz ou o que fosse ficaria com uma textura diferente, mesmo se fosse o cabelo todo. Como quando aplicamos a tinta fantasia, mesmo passando em todos os fios, nós vemos e sentimos onde deixamos de passar em algum lugar.

Eu ainda não tive a oportunidade de testar a novidade, mas achei esses vídeos que explicam um pouco sobre o uso e a tecnologia, e gostei bastante, apesar de um estar em italiano e o outro em inglês, dá para entender o essencial, que realmente o cabelo fica com o aspecto de “molhado” quando o descolorante é aplicado.

E aí, qual é a sua opinião sobre o novo BlondMe? Eu já estou doida pra testar, querendo encontrar logo em alguma loja, rsrsrs.

Dica de App – Hair Color Booth

Novamente estou aqui para dizer que vou mudar a cor dos fios, mas dessa vez, antes mesmo de eu pintar, já sabia como ia ficar meu cabelo e minha aparência, porque eu descobri o aplicativo Hair Color Booth.

Ele é um aplicativo que permite que a edição da cor dos cabelos em uma foto, exatamente com a finalidade de sabermos como os fios vão ficar.

Hair Color Booth

A cor escolhida é o azul claro, apaixonei pela Vicious Blue, da Candy Color, já que estou em tanto contato com a marca por estar revendendo as tintas, mas confesso que fiquei com medo dela não cair bem em mim, como foi o caso do rosa, que era lindo, mas não combinava nada com meu tom de pele “amarelo escritório”, rs, eu parecia muito mais pálida e comecei a pesquisar esse tipo de aplicativos mesmo, para ter uma noção mais ou menos de como meu cabelo ficaria no azul que amei tanto (a preguiça de jogar uma foto no Photoshop era muito maior), e descobri que gostei do resultado.

Não é que me caiu bem?!

Basicamente você escolhe no aplicativo a foto que quer ou tira uma, então seleciona o cabelo com um pincel, que se parece muito com o do Photoshop mesmo, e a área selecionada fica marcada em vermelho e você pode ir corrigindo a seleção, aí o próximo passo é escolher na cartela de cores qual você quer simular. Também é possível ajustar tom e saturação.

A versão paga tem 43 cores, então, apesar de uma variedade maior, ainda não acho que valha o preço (U$0,99), mesmo sendo baratinho. Já a versão grátis são muito poucas (apenas 6), mas foram suficientes para o que eu queria e ainda pude brincar mais um pouquinho: